Vereador Rodrigo Coelho se declara contrário à extinção da Secretaria de Desenvolvimento Rural

"Em respeito aos nossos agricultores, em especial, os moradores de Pirabeiraba e do Vila Nova, meu voto será contrário à extinção da Secretaria de Desenvolvimento Rural".

11

O vereador Rodrigo Coelho se posicionou publicamente nesta segunda-feira (8), sobre a possível extinção da Secretaria de Desenvolvimento Rural, proposta pela reforma administrativa da Prefeitura de Joinville. Assunto que será tratado pela Câmara de Vereadores em sessão extraordinária marcada para às 15h desta quarta-feira (10).

Leia abaixo a declaração do vereador e suas justificativas para o posicionamento tomado nesta questão.

Somos contra a extinção da Secretaria de Desenvolvimento Rural, antiga Fundação Municipal 25 de Julho, criada há mais de 50 anos pelo saudoso Prefeito Nilson Bender.

Nossa cidade tem a maior população rural do Estado e uma agricultura fortíssima, muito disso graças ao trabalho de pesquisa e apoio aos lavradores, feito ao longo dos anos pela Fundação/Secretaria.

Junto com a Epagri, o combate ao maruim, borrachudo e outras pragas, foram feitos pela nossa Fundação 25 de Julho. A tilápia e outros peixes de água doce foram introduzidos em Joinville pela Fundação. Nossa última safra de arroz foi recorde.

A Síntese Anual de 2017 da Agricultura, publicado pelo Governo do Estado colocou Joinville numa excelente posição. Aliás, nosso Estado e nosso País são fortíssimos quando o assunto é agricultura. Somos autossuficientes em quase todos os alimentos de ingerimos. Nossa balança comercial se mantém estável graças à agricultura/agropecuária.

Não por acaso, o falecido empresário Antonio Ermírio de Moraes dizia que o Brasil é o maior celeiro do mundo. Sendo assim, em respeito aos nossos agricultores, em especial, os moradores de Pirabeiraba e do Vila Nova, meu voto será contrário à extinção da Secretaria Rural e sua incorporação pela Secretaria do Meio Ambiente.

Já dizia velho o ditado: “Se o homem do campo não planta, o homem da cidade não janta”

COMPARTILHAR

11 Comentários

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here