Vereador Fernando Krelling deve apresentar projeto polêmico envolvendo adolescentes

A intenção do projeto é diminuir a quantidade de crianças que possam se aproximar ao crime muito cedo.

32
Foto: Sabrina Seibel / CVJ

O Vereador Fernando Krelling irá protocolar um Projeto de Lei voltado exclusivamente à prevenção contra as drogas de adolescentes e jovens de Joinville. O Projeto vem sendo chamado de Toque de Acolher. Com ele ficaria fica vedado o trânsito e permanência de menores de 14 anos desacompanhados dos pais ou responsáveis em ruas ou bares, lanchonetes, danceterias, boates e afins ou em outros locais com frequência coletiva, das 23h às 5h.

“Tivemos uma preocupação com o avanço da insegurança pública. Durante os quatro anos à frente da extinta Felej, atualmente Sesporte, observamos com os trabalhos realizados com crianças em vulnerabilidade social, que uma pessoa não entra para o crime com 25, 30 anos, elas entram adolescentes, jovens, com 11, 12 anos no contato com drogas e o tráfico. A intenção é diminuir a quantidade de crianças que possam se aproximar ao crime muito cedo. É um projeto de prevenção aos jovens”, destacou Krelling.

A intenção é criar uma comissão composta por pelo menos um membro de instituições, tais como: Conselho Tutelar, Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Municipal para que façam rondas diárias durante o horário e se caso encontrar algum jovem no horário mencionado, eles possam ser transportados por uma equipe de proteção à criança e ao adolescente e conduzidos a uma sede do Conselho Tutelar. Em caso de reincidência, os pais ou responsáveis serão intimados a prestar esclarecimentos às autoridades judiciárias.

Cidades de 15 Estados brasileiros adotaram o toque de recolher para menores de 18 anos. Nestes municípios, menores de idade não podem ficar nas ruas após às 23 horas. Uma pesquisa mostrou que nestas regiões a criminalidade juvenil foi reduzida.

COMPARTILHAR

32 Comentários

  1. prejeto sem cabimento onde os nao se pode trabalhar que a lei nao deixa por isso nosso brasil tao uma merda cancela esse projeto e fais um que eles pode trabalhar seria mais facil tentar amenizar nao com esse teu projeto que nunca vai dar certo muitos pais nem estao no horario estao trabalhando pra levar o pao de cada dia pra casa e oque vc vai fazer levar pra sua casa

    • Desculpe Eraldo, mas vereador não tem a alçada de trazer policial. Participo de praticamente de todas as reuniões do CONSEG onde discutimos muito isso. Estive solicitando na sede da secretaria do Estado de segurança solicitando esse aumento de efetivo na nossa cidade , mas infelizmente até o momento temos que conviver com 530 Policiais em Joinville e mais de 1300 em Florianópolis. Essa função é do governo do estado e precisam urgentemente dar uma atenção melhor para Joinville. Tenha certeza que se tivesse nas minhas mãos aumento de efetivo , já teria feito faz tempo. Abraços

    • Fernando da uma olhadinha com carinho no seguinte: Hoje para fazer um inclusao de atividade no CNPJ precisamos de um parecer da Auto Pista dizendo se o acesso esta conforme as normas da ANTT.E isto fica travando no Regim.Entenda que é somente para regularizar um espaco que ja existe e nao demanda obra alguma.Tente criar algo neste sentido para ser menos burocratico para os empreendedores.Pois muitos estao estabelecidos bem antes da concessao da rodovia.

Deixe um Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here